Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

sábado, 19 de novembro de 2016

Comemorações no calçadão do dia da Consciência Negra



O jornalista Márcio Sabones com os membros do MOCIR-SJN no calçadão (Foto: Blog do Sabones)
 Na manhã e início da tarde desse sábado (19/11), o MOCIR (Movimento de Conscientização e Integração Racial) de São João Nepomuceno levou ao calçadão da Rua cel José Dutra, eventos para a celebração do dia da Consciência Negra com mensagens, encontros, capoeira e a apresentação dos candidatos a Miss e Mister Beleza Negra 2016.

Capoeiristas em comemoração e homenagem a Zumbi
A capoeira Mata Fechada do Mestre Faguinho compareceu com alguns de seus capoeiristas e ainda receberam a visita e a participação de outras escolas, ao som marcante dos tambores e berimbau. 

A promoter Iara Fonseca, organizadora do desfile Beleza Negra, que acontece na noite desse sábado na quadra da ESACA apresentou os candidatos e candidatas ao cobiçado título, com modelos infantis, juvenis e adultos para os aplausos da plateia.

O diretor do MOCIR, o médico e vereador Carlos Alberto dos Santos ainda refletiu em seu discurso sobre o significado da data, que em São João Nepomuceno é feriado municipal, desde 2011. “Esse dia é respeitado em São João Nepomuceno por sua importância e significado, com o objetivo de reflexão sobre o preconceito, e de mostrar ao povo a cultura africana, assim como comemorar e lutar pelos direitos e a igualdade do povo negro”, disse o membro fundador do MOCIR-SJN. 

Robson, João Carioca e Dr. Santos (Foto: Márcio Sabones)
Vale lembrar a influência da cultura negra na construção e identidade do Brasil na arte, culinária, costumes, descendência e a memória de Zumbi dos Palmares, ícone da cultura negra, líder do Quilombo dos Palmares, no estado de Alagoas, nordeste brasileiro, que abrigou cerca de 30 mil negros. Ainda em tempos de escravidão, Zumbi foi perseguido, capturado, executado e esquartejado em 20 de novembro de 1695. “A data serve como uma reflexão diante das desigualdades ainda existentes, infelizmente, que comprovam a crueldade do ser humano, não somente com o racismo e também com a homofobia, intolerância religiosa, social entre outros”, completou Dr. Santos.

Ainda dentro das comemorações do Dia da Consciência Negra 2016, um almoço acontecerá neste domingo (20), na quadra da ESACA, com galinhada e roda de samba, a partir das 12h.

Por Márcio Sabones
Fotos: Márcio Sabones
GALERIA DE FOTOS

 






































Nenhum comentário:

Postar um comentário