Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Reunião da diretoria de Esportes com professores, atletas e comunidade


Diretor de Esportes Fernando de Lélis abriu reunião. Abaixo o treinador de futsal Josafá "Bahia" (Foto: Fellype Alberto)

A nova diretoria municipal de Esportes que tem no cargo responsável, Fernando de Lélis Pinheiro, “Kibil” convocou os representantes de todas as modalidades esportivas praticadas na cidade na última semana, em reunião na Câmara Municipal.
Presentes as seguintes modalidades: capoeira, karatê, futebol, futebol americano, tênis, vôlei, handebol, downhill, natação, motocross, xadrez, skate, corrida, futsal e muay thai em bom número de professores, atletas, imprensa e apoiadores que compareceram para o evento que teve cerca de uma hora e quarenta minutos de duração.

O diretor Fernando fez a abertura do evento, mostrou alguns objetivos que pretende alcançar com a colaboração de todas as áreas esportivas da cidade, assim como apresentou a nova equipe do departamento. Na sequência, o diretor abriu a palavra para que os técnicos, professores e demais profissionais relatassem a realidade de cada equipe esportiva em São João. 

Diversas modalidades da cidade, debates e discussões sobre o esporte são-joanense (Foto: Fellype Alberto)
 Muitas críticas foram realizadas às gestões anteriores, principalmente no que diz respeito aos investimentos concentrados apenas no futebol e também um desentendimento entre os treinadores Marco Aurélio Ayupe (Projeto Núcleo Esportivo), e Ronaldo (EC Santa Cruz) nas falas da tribuna. Ronaldo citou que os olhos da Administração ficam para o projeto de Ayupe, que é o diretor de futebol. Marco rebateu as palavras de Ronaldo e o clima ficou tenso. 

A discussão foi interrompida e os ânimos acalmados, pois o foco no encontro era de organizar o esporte no todo no município e daí entrou num dos principais assuntos do encontro, na fala do gestor de Projetos e Recursos da Prefeitura Municipal, André Luiz Manzo Pereira sobre a busca de recursos financeiros como, por exemplo, o ICMS Esportivo, uma fonte de renda junto ao Governo do Estado que pode garantir muitos investimentos na área. 

Para a arrecadação destes recursos, os eventos, projetos, torneios e competições esportivas devem estar documentados e comprovados com publicações na imprensa, súmulas, fotos, vídeos, etc. Com isso, o gestor e o diretor de esportes disseram estar à disposição para ajustar com os profissionais os formatos dos eventos esportivos na cidade, com o objetivo de estar de maneira a angariar os recursos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário