Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

domingo, 23 de abril de 2017

Robótica é tema discutido e apresentado em SJN




Estudantes apresentam dinâmica para empresários, professores e autoridades políticas (Foto: Márcio Sabones)

A importância da tecnologia em todos os meios de produção, sistemas, gestões e de comunicação no mundo globalizado faz com que as escolas possam buscar alternativas para interagir, ensinar e promover ações desses temas com seus alunos.

Diante dessa realidade, o Centro Integrado SESI-SENAI de São João Nepomuceno convidou representantes da sociedade civil, público (vice-prefeito Sebastião Carlos Barbosa; o vereador Heldemir Azevedo Alves e o secretário de Desenvolvimento da Indústria e Comércio Jairo Nogueira Furtado) e privado (empresários) para uma apresentação do importante trabalho com a robótica junto aos estudantes.

Professor Rangel
Os professores Rangel e Jorge Patriota, assim como o técnico de informática Waguinho levaram uma introdução do que é, como funciona, o que já foi feito e o que será capaz de trabalhar com alunos sobre o conceito, na semana passada na sala de robótica do educandário. 

Rangel disse da introdução do projeto de robótica nas escolas de todo o mundo, uma ferramenta de desenvolvimento racional, matemático e físico das crianças, auxiliando seus conhecimentos e ampliando a capacidade de realizar atividades antes vistas como complicadas. Rangel também mostrou os resultados dos são-joanenses que desde o ano de 2013 iniciaram no projeto da LEGO e que atualmente, ocupam o 5º lugar do Brasil e o 6º da América Latina em competições. O professor Jorge citou a robótica como uma atividade prazerosa dentro da escola. 

Professor Jorge
“Temos uma cultura em que vemos meninos sonhando em serem jogadores de futebol e meninas modelos. Não que eu seja contra, mas vamos também trabalhar uma cultura que valoriza a educação e mostrar que estudar é legal, é prazeroso. E a robótica está próxima à realidade que eles vivem como a informática, a internet”, comentou o professor que ainda mostrou como funcionam as competições da LEGO que são anuais na escola, com as turmas do Ensino Fundamental e Médio, numa verdadeira gincana robótica que levou diversos meninos e meninas de São João Nepomuceno a importantes competições regionais, nacionais e até internacionais. 

A equipe LEGO do SESI também já recebeu e fez visitas em outras escolas para expandir e fomentar a introdução da robótica. O técnico Waguinho fez uma explicação técnica sobre a montagem dos robôs, os objetivos e os estudos. Ele ainda disse do alto custo dos equipamentos, e a complexidade do funcionamento e montagem de cada robô.

Colégio são-joanense tem a robótica como extensão de ensino. Objetivo é dar oportunidade para estudantes de outras escolas da cidade(Foto: Márcio Sabones)
Waguinho apresentou os alunos da equipe da escola e numa apresentação perfeita na mesa de robótica, demonstraram suas habilidades e sintonia com os cálculos e realização de cada objetivo que eles programavam em um computador com o uso da matemática e física alinhado ao programa dos robôs que com cumpriam o que era pedido com estágios diferenciados e mais difíceis a cada passo. 

Os estudantes da equipe de robótica foram aplaudidos e cumprimentados. O empresário José Roberto Schincariol elogiou o trabalho e disse sobre a inclusão de outras escolas no projeto. “Seria muito importante que outras escolas pudessem introduzir a robótica. Isto que estamos assistindo é a empresa G4 que bate nossas portas. Tecnologia de ponta”, citou. 

O vice-prefeito declarou satisfação e encantamento com o que presenciou e disse que estará disposto a ver a possibilidade de levar este valioso ensinamento para as escolas municipais.

Por Márcio Sabones
Fotos: Márcio Sabones
GALERIA DE FOTOS





































Nenhum comentário:

Postar um comentário