Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

domingo, 3 de abril de 2016

São-joanense Fernando Júnior brilha na TV Alterosa



O Blog do Sabones disponibiliza uma matéria especial assinada por este jornalista no jornal Voz de S. João - edição nº 5451 do dia 2 de abril de 2016. Trata de uma homenagem e reconhecimento do trabalho do jovem são-joanense emissora afiliada ao SBT.

Fernando Júnior é o atual apresentador do Arena Alterosa

A cidade de São João Nepomuceno vem torcendo e acompanhando o trabalho do jovem Fernando Júnior de 25 anos na apresentação do “Arena Alterosa”, o programa esportivo da TV Alterosa Zona da Mata e Vertentes que vai ao ar nas segundas e quintas-feiras, a partir das 11h da manhã.

O programa que começou no dia 27 de janeiro de 2014 com o ex-editor chefe de jornalismo da emissora, Rodrigo Dias e depois apresentado também pelo são-joanense Lucas Girardi, há cerca de um mês tem o jornalista Fernando Júnior como o titular da apresentação. Fernando é filho do radialista Fernando de Lélis (Quibiu) e de Luciana do Vale e irmão do treinador de vôlei do Mangueira FC, Willian Lélis e o pequeno Lucas.

Fernando Júnior com a família em São João Nepomuceno
O jovem formou recentemente em comunicação social e foi estagiário na emissora por dois anos onde passou pelos setores de apuração, produção, reportagem até ser contratado pela casa e assumir o programa esportivo. Em entrevista para a Voz de S. João, Fernando Júnior comenta sobre o trabalho. “Estar apresentando o programa e trabalhar no jornalismo esportivo da TV Alterosa é maravilhoso. Aqui há uma parceria muito grande entre os profissionais, que ao mesmo tempo que querem ver bons resultados, dão liberdade e confiam no que a gente faz. A editora-chefe, Liliane Luchin, é uma das maiores incentivadoras aqui dentro. Ajuda a pensar no programa e está sempre aberta para as novas ideias, com o objetivo de alavancar ainda mais esse setor”, observou.

Fernando com parte da equipe da TV Alterosa.  diretora de TV, Giselle Clara, a editora Liliane Luchin, o estagiário Elias Arruda e a apresentadora Cris Hubner
A editora Liliane Luchin elogiou o trabalho do são-joanense que é sempre prestativo e responsável. “O Fernando é um ótimo menino. Desde o começo aqui com a gente mostrava interesse e boa vontade de fazer tudo; e também muita facilidade de aprender as coisas. Uma palavra que posso definir é que ele é puro talento. Uma pessoa do bem que está sempre ajudando quem precisa e completa a nossa equipe com garra e foco”. Sobre o trabalho em equipe, Fernando falou da rotina da emissora e do compromisso com a notícia. “O sentimento de poder trabalhar aqui é de gratidão à Deus e às pessoas que aqui estão há anos e sempre estão dispostas a ensinar e dar oportunidade para novos profissionais. Foi aqui que eu aprendi e estou aprendendo todos os dias a fazer jornalismo, que a cada manhã nos traz uma surpresa, né? Contar as histórias com a ética à frente é o que sempre prezam por aqui,e é por isso que a TV Alterosa é tão próxima do povo, próxima do setor público e privado”.

Na apresentação do Arena Alterosa com o líbero do JF Vôlei, Fábio Paes e o ex-craque de futebol Adil (Nica)
O interesse do jornalista pelo esporte já vem de berço, pois o pai, Fernando de Lélis é radialista e locutor esportivo e desde pequeno o acompanhava o para as coberturas esportivas. “Meu pai é um apaixonado pelo esporte regional. Já na infância ia aos campos e ginásios com ele. Primeiro foi para vê-lo jogar como zagueiro no Mangueira F.C., e depois para vê-lo trabalhar, nas transmissões dos jogos pelo rádio. Ele me fez um convite um dia para participar comentando sobre os jogos. Foi segurar o microfone e não parar mais (risos). Ele me ensinou a ser repórter de campo e aí eu comecei a trabalhar na Rádio Difusora AM, que também abriu as portas para que eu pudesse aprender mais sobre o jornalismo diário, esportivo e outros segmentos. Minha família sempre me apoiou muito e até hoje é assim. Assistem aos programas e dão dicas, e se ouvir o telespectador é sempre bom para melhorarmos, imagine a família, né?”, explicou Fernando Júnior.

Nos tempos da Rádio Difusora
O pai extremamente emocionado cedeu uma conversa com a gente e disse da alegria de ver o filho caminhando com as próprias pernas e seguindo na profissão que ama. Quibiu lembrou de suas origens. “Tô muito feliz de ver meu filho trilhando para uma linda profissão. Ele acabou de completar 25 anos de idade e formar. Graças a Deus pude dar uma condição boa para ele estudar, pois perdi meu pai ainda muito pequeno e criado nas casas do São Vicente de Paulo na Santa Rita. Foi muita luta! Mas ta aí meu menino”, comemorou o pai.

A editora Lili Luchin elogiou a postura de Fernando Júnior e comentou que a família deu a base para o jovem. “Não tenho dúvidas de que a criação da mãe Luciana, do pai e a convivência em família deles foi fundamental para a formação do caráter e do homem que é. Fernando tem potencial e conquistou seu espaço por mérito e trabalho e acredito que vai longe”, finalizou.

Por Márcio Sabones
Fotos: Arquivo pessoal

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ver o reconhecimento de um trabalho, faz valer todo esforço a ele dedicado, e revigora pra que outros sucessos sejam alcançados!
      Um elogio sincero, vindo de quem realmente entende do que está falando é força para continuar na estrada, sabendo que está na trilha certa para alcançar o sucesso!
      A família toda valoriza a homenagem e agradece muitíssimo por ela!
      Valeu Marcio Sabones!

      Excluir
  2. Obrigado Fernando de Lélis e parabéns pelo filho talentoso.

    ResponderExcluir