Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

sexta-feira, 31 de março de 2017

Ufjf traz inclusão digital à E.M.”Dr. Augusto Glória”




Alunos do 9º ano são orientados por bolsistas da Universidade Federal de Juiz de Fora

O projeto “Inclusão Social e Cidadania” que atende 25 alunos do 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal “Dr. Augusto Glória”, em uma parceria com o Instituto de Ciências Humanas (ICH), da Universidade Federal de Juiz de Fora (Ufjf) abre nova turma em 2017.

A realização e idealização do projeto que visa levar um complemento educacional-técnico-profissional aos alunos vem do professor da Ufjf, o são-joanense Marcelo Ferreira Trezza knop e do professor de Biologia do educandário, Michael Barbosa Filgueiras teve início no educandário em 2016 e retoma atividades para o ano letivo que se inicia. Três universitários bolsistas são selecionados para lecionar e orientar aos estudantes são-joanenses todas as quartas-feiras, de 14h às 16h.

Coordenadores e universitários do curso
Todos estudantes têm aulas no período da manhã. A equipe do jornal Voz de S. João compareceu a aula inaugural e durante as apresentações, os professores Marcelo, Michael, a diretora da E.M.”Dr. Augusto Glória”, Neuza Pullier Bastos, a secretária municipal de Educação Belkis Cavalheiro Furtado estenderam discursos acerca da importância da educação, da capacitação, do conhecimento, e da informática como ferramentas de comunicação e aprendizado. 

Também foi lembrado da representatividade dos alunos diante da escola e sua importância histórica.Os bolsistas Luís, Letícia e Carolina do curso de Turismo da Ufjf disseram da alegria de retornar a cidade para a implantação do curso e elogiaram a turma do ano passado como participativos, respeitosos e amigos. 

Os alunos estarão estudando noções de informática (Word, Excel, Power Point, internet) e também outras atividades no intuito de trazer e debater a cidadania (temas sobre preconceito, cultura, política, tendências, entre outros). 


Inclusão Digital e Cidadania. Complemento curricular é elo entre estudantes e universidade
“É ir além da informática. Eles vão estudar o lado correto da informação na internet, a credibilidade e a realidade do dia a dia. Vamos trazer a universidade para vocês”, disse o professor Marcelo. A diretora Neusa Pullier reforçou o discurso do Marcelo e disse que os meninos terão um diferencial com a oportunidade. “Espero que vocês aproveitem o máximo do que for passado aqui. Fico feliz de vê-los com tanto entusiasmo e vontade de fazer o curso”, comentou. 

Os alunos estarão em aulas até o final do ano letivo e receberão um certificado da Universidade Federal de Juiz de Fora de conclusão, tendo que ter o mínimo de 75% de participação das aulas.

Por Márcio Sabones
Fotos: Márcio Sabones

Nenhum comentário:

Postar um comentário