Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

terça-feira, 31 de agosto de 2010

"COM LICENÇA, TENHO QUE DESCER"

Você mora em Juiz de Fora? Anda de ônibus? Então o edital é para você que faz o percurso de casa, trabalho, escola, faculdade (ida e volta). Complicado? Sim.Uma diminuição do número de linhas municipais faz que o tempo de espera em pontos espalhados pela cidade seja insuportável e o desconforto no interior dos veículos, devido sua lotação, pior ainda.


O juizforano paga R$ 1,80, espera cerca de 25 a 40 minutos pela sua linha. O horário fica curto e sente que pode perder a hora marcada e de brinde tem a oportunidade de esfregões, esbarrões e sei lá mais o que com pessoas estranhas. Ao leitor pode-se dizer que evite as linhas nos horários de pico (7hs às 8hs / 17hs às 19hs), pois a correria é grande para as milhares de pessoas compromissadas de Juiz de Fora. Dica: use carona entre amigos de trabalho. A fuga dos ônibus causa um grande número de automóveis nas ruas - engarrafamento.


Atualmente, os alunos da UFJF tem reclamado os atrasos das linhas, pois, isso faz com que percam boa parte da primeira aula de cada dia. Uma imensa fila é formada na faixa da direita entre os portões norte e sul do Campus universitário. Alunos, pais e amigos dirigem-se a universidade com seus carros. O trajeto fica comprometido pelo grande número de automóveis dentro do campus com quilômetros paralisados. Ao descer dos carros, usam os espaços dos pontos de ônibus. Mesmo que os carros saiam, o tempo gasto para desembarque de cada aluno faz com que a faixa da direita paralise a cada despedida.


É importante que a direção das empresas e da Secretaria de transportes da cidade tenham consciência da dimensão desse problema em Juiz de Fora. A “manchester mineira” por muitos anos chamada e aclamada desta maneira pelo seu progresso e desenvolvimento vê-se “a pé”, literalmente, correndo o risco de caminhar cada vez mais devagar e tendo de começar a “correr atrás do prejuízo”.