Blog do Sabones - Expediente

Blog do Sabones - Expediente

segunda-feira, 29 de março de 2010

"Festas, festas, festas..."

Não é atoa que São João nepomuceno recebe o nome de cidade festeira. O seu povo não deixa a pateca cair e estravaza em festas pra arrepiar. Isso aconteceu no último fim de semana, quando participei de duas comemorações.

Sábado, dia 27, das 18hs às 23hs:

Taruaçú - Chácara de Dimas e Vaina

ANIVERSÁRIO DE CARLOS E ALBERTO – DOSE DUPLA

Os gêmeos Carlos e Alberto comemoraram mais uma passagem de suas idades, reunidos com familiares e amigos em sua chácara, Distrito de Taruaçú, sábado último (dia 27/03).

Filhos de Dimas e Vaina, curtiram ao máximo a “super festa” organizada para os dois excelentes filhos, palavras do pai ao microfone. A presença do irmão mais velho, Sandro, deixou os moços mais felizes naquela noite. Ao som, Eliezer eJean Fontanella, com palhinhas de Márcio Sabones, Webber Martins e Taty Girl (participante do Desafio na Colina em2009).

Mas a atração foi Webinho. Ele estava muito animado, até que demais e proporcionou momentos engraçadíssimos ao tentar sua carreira de cantor. Webber, volta para a bateria viu! Rsrsrs...

Parabéns meninos, que Deus abençoe suas vidas...

Sábado, dia 27, 23hs às 3:30hs:

Botafogo F.C. - Sede Social

ANIVERSÁRIO DE ELÍZIO E LUIZ CAMPOS

Os sexy’s, ou melhor, sexagenários Elízio Sapateiro e Luiz Campos festejaram aniversário no sábado, dia 27, com festa de gala no salão social do Botafogo F.C. Fomos muito bem recebido pelos “gentlemans” Marcelo Peteca e Pexeira (risosss).

Muita gente boa, cerveja, leite de onça, petiscos e muito forró ao som da dupla Ranielle e Raphael e DJ Denisson. Ufa! Foi demais, cheguei a perder o fôlego com tanta função. Luis Quirino deu uma maravilhosa palhinha, levantando a galera e enchendo o salão de dança.

Aos amigos Elízio Luiz Campos o nosso agradecimento e desejos de saúde, paz, felicidades e muito sucesso.


Domingo, 28 de março, às 20hs:

Centro Cultural - Teatro

“SHOW DE IMPROVISOS”

O já conhecido Grupo de Teatro Amador de São João Nepomuceno (GRUTA) está agitando os palcos teatrais de São João e toda região com a peça “Improrisos”. Trata de um stand up, estilo teatral muito utilizado no momento que conta com o poder de improviso dos atores.

Nos dois últimos finais de semana, o grupo apresentou em nossa cidade, enchendo o Centro Cultural e deixando o povo com a barriga dolorida de tantas risadas. Confira as fotos da peça:

Fotos e mais dados no site: www.sjonline.com.br

terça-feira, 23 de março de 2010

"GRUTA apresenta peça em São João Nepomuceno"



O GRUTA (Grupo de Teatro Amador de São João Nepomuceno), apresentou no sábado (dia 20), o espetáculo “Improrisos” - no Centro Cultural Gabriel Procópio Loures (SJN). A platéia que encheu as dependências do teatro teve a oportunidade de rir pra valer com as performances de Márcio Sabones, Aldo Philadélfia, Ismael Yellow, Milton Ladislau, Diudio e Rael Sá Dias.

Ao melhor estilo “stand up”, o GRUTA brincou e mostrou grande poder de improviso, pois, a platéia é quem comanda o espetáculo. As várias brincadeiras exigiam temas e lugares, esses escolhidos pelo público, e que às vezes colocavam os artistas em maus lençóis (risos...). Os meninos desenrolavam as cenas de tal maneira, que era impossível não rir, fazendo que os próprios atores “caíssem na gargalhada”. “- Foi divertidíssimo, valeu a pena trazer minha namorada Adriana, rimos muito e ainda participamos da peça no final” – disse Luis Carlos Dutra, locutor da Rádio Difusora AM – SJN.

O casal mencionado acima participou do último quadro do espetáculo, no qual é criado uma cena e algumas pessoas da platéia, são selecionadas e vão ao palco. Luis Carlos Dutra e Adriana Freitas formaram o par apaixonado da historinha na praia, com direito a beijo romântico - super aplaudido pela platéia.

A diversão durou aproximadamente 95 minutos sem pausa. A censura é livre e você pode levar seus filhos. Outra apresentação aconteceria no domingo, dia 21, mas devido a forte chuva, foi adiada para o dia 28 (domingo), às 20hs. Não perca esta oportunidade de se divertir.

O ingresso tem o preço popular de R$ 3,00.

Saiba mais de São João Nepomuceno no site: www.sjonline.com.br

segunda-feira, 22 de março de 2010

HISTÓRIA DE HELENO DE FREITAS VIRARÁ FILME





Um dos maiores craques da história do futebol terá sua história de vida contada nas telinhas do cinema. Heleno de Freitas, filho de São João Nepomuceno (MG) e polêmico jogador de futebol das dácadas de 30, 40 e 50 pelo Botafogo, Fluminense, Vasco, Boca Júniors (Argentina), Atlético Barranquilla (Colômbia), Santos, América e Seleção Brasileira é o projeto do ator Rodrigo Santoro, para seu próximo filme.

Heleno foi considerado o primeiro craque problema do futebol brasileiro e isso fez com que tivesse uma vida curta e conturbada. Um dos mais brilhantes atacantes de nosso futebol, de passes precisos, rápidos e cabeceio mortal. Faleceu aos 39 anos de idade, no Hospício São Sebastião da cidade de Barbacena, em 8 de novembro de 1959, vítima de Sífilis.

Santoro, vascaíno e amante do futebol, diz ter despertado interesse por Heleno quando teve primeiras informações sobre o jogador. Ao mesmo tempo bonito, galã, inteligente, temperamental, irresponsável e violento, Heleno é um mito, algo inexplicável.Vários quesitos para uma difícil interpretação de um ator já consagrado. Um desafio.

Por enquanto, só existe o projeto, nada foi filmado ainda e no último sábado (20), Rodrigo Santoro esteve em São João Nepomuceno, terra onde o craque nasceu e viveu até os 13 anos de idade. Chegou de surpresa, para não causar alvoroço, mas quando de sua descoberta, os fãs enlouqueceram. O ator foi ao túmulo de Heleno que fica no cemitério municipal, deu entrevistas a imprensa local, foi a Rua Capitão Braz, local de seu nascimento e conversou com o Sr. Guti Barroso, que foi goleiro do Mangueira F.C. no passado e teve a honra de jogar ao lado do craque ainda na infância.

O ator também foi recebido na residência de Marcelo (Foguete), encontrando vários recortes de jornal, fotos, revistas e assistiu a documentários sobre Heleno – ficou impressionado. A avaliação de Santoro foi positiva, apesar de curta, prometendo outras visitas em São João Nepomuceno.

Como cidadão sãojoanense, torço para que algumas cenas do filme aconteçam por aqui, valorizando e apresentando a Cidade Garbosa para o Brasil e o mundo.

quarta-feira, 17 de março de 2010

"O melhor" - por Leila Ferreira



O texto apresentado é de Leila Ferreira,jornalista mineira com mestrado em Letras e doutorado em Comunicação, em Londres.
Apesar disso, optou por viver uma vidinha mais simples, em Belo Horizonte...



Estamos obcecados com "o melhor".
Não sei quando foi que começou essa mania, mas hoje só queremos saber do "melhor".

Tem que ser o melhor computador, o melhor carro, o melhor emprego, a melhor dieta, a melhor operadora de celular, o melhor tênis, o melhor vinho.

Bom não basta.

O ideal é ter o top de linha, aquele que deixa os outros pra trás e que nos distingue, nos faz sentir importantes, porque, afinal, estamos com "o melhor".

Isso até que outro "melhor" apareça - e é uma questão de dias ou de horas até isso acontecer

Novas marcas surgem a todo instante.
Novas possibilidades também. E o que era melhor, de repente, nos parece superado, modesto, aquém do que podemos ter.

O que acontece, quando só queremos o melhor, é que passamos a viver inquietos, numa espécie de insatisfação permanente, num eterno desassossego.

Não desfrutamos do que temos ou conquistamos, porque estamos de olho no que falta conquistar ou ter.

Cada comercial na TV nos convence de que merecemos ter mais do que temos.
Cada artigo que lemos nos faz imaginar que os outros (ah, os outros...) estão vivendo melhor, comprando melhor, amando melhor, ganhando melhores salários.

Aí a gente não relaxa, porque tem que correr atrás, de preferência com o melhor tênis..

Não que a gente deva se acomodar ou se contentar sempre com menos.
Mas o menos, às vezes, é mais do que suficiente.

Se não dirijo a 140, preciso realmente de um carro com tanta potência?

Se gosto do que faço no meu trabalho, tenho que subir na empresa e assumir o cargo de chefia que vai me matar de estresse porque é o melhor cargo da empresa?

E aquela TV de não sei quantas polegadas que acabou com o espaço do meu quarto?

O restaurante onde sinto saudades da comida de casa e vou porque tem o "melhor chef"?

Aquele xampu que usei durante anos tem que ser aposentado porque agora existe um melhor e dez vezes mais caro?

O cabeleireiro do meu bairro tem mesmo que ser trocado pelo "melhor cabeleireiro"?

Tenho pensado no quanto essa busca permanente do melhor tem nos deixado ansiosos e nos impedido de desfrutar o "bom" que já temos.

A casa que é pequena, mas nos acolhe.
O emprego que não paga tão bem, mas nos enche de alegria.

A TV que está velha, mas nunca deu defeito.

O homem que tem defeitos (como nós), mas nos faz mais felizes do que os homens "perfeitos".

As férias que não vão ser na Europa, porque o dinheiro não deu, mas vai me dar a chance de estar perto de quem amo.....

O rosto que já não é jovem, mas carrega as marcas
das histórias que me constituem.

O corpo que já não é mais jovem, mas está vivo e
sente prazer.

Será que a gente precisa mesmo de mais do que isso?

Ou será que isso já é o melhor e na busca do "melhor" a gente nem percebeu?

sexta-feira, 5 de março de 2010

"Rádio Difusora, 57 anos"



Dia 5 de março de 2010, a Rádio Difusora AM de São João Nepomuceno faz 57 anos...

“Parabéns pra você...”

Emissora que nos faz rir com Írio Henriques e Ciscoto, nas manhãs...
Orar com o Padre Marcelo...
Passa informação, diversão e emoção com Luis Carlos Dutra...
Discuti assuntos da cidade, no debate popular...
Agita às tardes com o Eta Lelê da Bianca Buzzinari...
Tem a discoteca e os destaques do esporte com Fernando de Lélis...
Reza o terço todos os dias...
Dá aquela pausa, como todas, para a hora do Brasil, pois em Brasília 19 horas...
Viaja para o Rancho Fundo às noites, de carona com Amado Roberto e Vicente (Frangão)...
E aos fins de semana, toca o sertanejo de Florestal, o louvor de Alfredo Santiago, o flashback de Amado, a sonzera de Charles Eduardo e o futebol do Quibiu, Nei Medina e cia.
Não posso esquecer de falar das pessoas que estão por trás de toda a programação, desde a família Detoni Freitas de Isaías, Dulcinéia, Gabrielle e Michelle, o staff: Graça, Elaine, Soraya, Felipe, Das Graças, ou seja, todos esses loucos que amamos; loucos no bom sentido.
Aliás, amar é para poucos e invejamos aqueles que consigam.
Declarar parabéns para essa senhora de 57 anos, que tem sua própria história confundida com a de São João Nepomuceno e saber que já participei dela é motivo de alegria e orgulho. A frente de uma emissora: ética, bom senso, credibilidade e responsabilidade são indispensáveis, mas na Rádio do Povo, tem algo mais: Amor!

...nesta data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida!!!!